Setup Menus in Admin Panel

Sinais precoces do TEA no bebê

Recebo muitas crianças para avaliação neuropsicológica, em sua grande maioria na faixa etária acima dos 5 anos. Contudo, as queixas (comportamento problema – aquele que incomoda e causa prejuízo), já havia aparecido há muito tempo, às vezes, ainda enquanto bebê. ⠀

Entenda: não quero propor diagnóstico a um bebê e sim, que você perceba sinais precoces de que algo está errado e que seu bebê precisa de uma intervenção. Quanto mais precoce a intervenção, maior a chance de melhora. ⠀

Por isso, vamos falar aqui de alguns sinais precoces de autismo na fase de bebê: ⠀

1. Flacidez muscular (hipotonia);⠀

2. Durante a amamentação, tem dificuldades de olhar nos olhos e se aconchegar no colo da mãe;⠀

3. Chora quando alguém o pega no colo, parece que não gosta de colo. Prefere ficar no berço e por vezes, os pais chamam isso de “bebê tranquilo” ou “bebê tímido”;⠀

4. Não chora quando acorda;⠀

5. Pode não apresentar sorriso social e contato visual; ⠀

6. Tem dificuldades na atenção compartilhada (compartilhar o foco atencional com outra pessoa); ⠀

7. Não levanta os braços para ser pego no colo;⠀

8. Apresenta choro intenso ou indiferenciado para indicar fome, sono ou dor ou chora muito pouco “bebê calmo”; ⠀

9. Pode exibir atrasos nos marcos do desenvolvimento motor e da linguagem;⠀

10. Tem pouco interesse em explorar brinquedos ou o ambiente.⠀

Você percebe esses sinais em seu bebê? Procure um neuropediatra, pois é necessário uma avaliação. ⠀

📌Texto por Sarah Cassimiro Marques.⠀⠀

#incantatopsicologia #incantato #psicologia #neuropsicologia #tea #autismo #bebê #criança #pais #sinaisprecoces

Photo by Sharon McCutcheon on Unsplash

3 de agosto de 2020